+55 41 3042.0444 | +55 41 3287.4955 | +55 41 98501.7891

41 3042.0444 | 41 3287.4955 | 41 98501.7891

marketing digital como você nunca viu.

Botão Menu - Muito Mais Digital

Email marketing funciona? 7 verdades sobre envio de email marketing (com casos de sucesso na prática).

O que é email marketing?

Email marketing é uma forma de se relacionar com pessoas que tenham interesse por um produto ou serviço que sua empresa oferece. Como o próprio nome diz, a comunicação é feita através do e-mail, por isso, é crucial que você tenha os e-mails de contato do grupo de pessoas para o qual pretende enviar sua campanha. Para que gere o retorno sobre o investimento (ROI) desejado, o ideal é que você selecione uma dentre as diversas empresas de email marketing existentes no mercado, tanto para criar a arte do email (neste caso uma agência de marketing digital poderá te ajudar), quanto para enviar suas campanhas de email marketing.

Dicas para investir em marketing digital

7 verdades sobre o envio de email marketing.
Conheça casos de sucesso na prática!

Sim. Email marketing funciona. Mas não, email marketing pode não funcionar. Como assim?

Isso mesmo. Uma campanha de email para divulgar o seu negócio pode ser um sucesso, ou um fracasso. Tudo depende de como você estruturará sua campanha, desde a escolha do conteúdo que será abordado, passando pela ferramenta de email marketing, a qualidade da sua lista de contatos e por aí vai. Conheça as 7 verdades sobre o envio de email marketing que todo mundo precisa saber antes de apertar o botão “enviar”.

Verdade 1: Tenha uma lista de contatos segmentada

Esse é um dos principais diferencias para uma campanha de email marketing funcionar: segmentar sua lista. Esqueça aquela história de comprar um milhão de e-mails de “consumidores em potencial” por R$ 99,90. As promessas são muitas, como filtros por gênero, região, estado civil, interesse, etc., mas na prática se você envia uma mensagem para quem não pediu para receber nada daquilo, as chances de sucesso se reduzem drasticamente.

Aposte na criação da sua própria lista. Pode demorar um pouco para você ter uma grande quantidade de contatos, mas em ações de marketing como essa a qualidade vale mais do que a quantidade. Comece a captar e-mails dos visitantes do seu site e não se esqueça da sua lista de clientes. Aos poucos você criará um grupo com contatos de interessados reais no seu conteúdo.

Caso de sucesso: Aqui na Muito Mais Digital temos diversos casos de sucesso de campanhas de email marketing, mas um deles é especial. O e-commerce Mais Saúde e Beleza, desde o início dos envios de e-mail, sempre apostou em utilizar somente a sua própria lista de clientes que já haviam comprado na loja virtual. A lista ainda é pequena se pensarmos no universo do e-commerce, porém, as taxas de conversão são muito maiores do que a média do mercado. Motivo: só quem tem interesse recebe os e-mails da Mais Saúde e Beleza.

ROI de email marketing

Taxa de conversão superior a 10%, em média, ao longo de um ano.

 

Verdade 2: Envie o conteúdo certo para a pessoa certa

De posse de uma lista segmentada você terá a oportunidade de sempre enviar a mensagem certa para a pessoa certa. Conhecer o interesse dos seus leads e clientes é muito importante. Muitas pessoas perguntam: “como fazer email marketing?”. A resposta pode ser simples: selecione aquilo que o mercado está querendo comprar, crie um bom argumento de venda, explore seus diferenciais e oferte um benefício irresistível. Pronto! Mas sempre faça isso conhecendo o real interesse das pessoas que fazem parte da sua lista.

Caso de sucesso: Quando iniciamos o trabalho de gestão de marketing digital para a Cavezzale (loja que vende malas de viagem, bolsas, pastas, mochilas e produtos em couro) a receita gerada através das campanhas de email marketing era considerada baixa. Ajustamos a quantidade de envios semanais e começamos a segmentar melhor as ações, como campanhas somente para mulheres ou destinadas exclusivamente para clientes que já haviam comprado determinado produto, por exemplo. Em poucos meses, a receita gerada pelo email marketing aumentou significativamente e o ROI (retorno sobre o investimento) começou a ficar mais próximo daquilo que a empresa necessitava.

Aumentar receita com email marketing

Visão da evolução da receita gerada através de email marketing.

 

Verdade 3: Escolha uma boa ferramenta de email marketing

A diferença que uma boa ferramenta de email marketing pode fazer nas suas campanhas é gigantesca. Criar uma ação segmentada, para uma lista de contatos qualificada e com uma comunicação bem feita, mas através de uma ferramenta limitada, é como colocar um motor de Fusca numa Ferrari – ela nunca via render como uma Ferrari.

Na hora de escolher a ferramenta para enviar email marketing considere principalmente fatores como a taxa de entregabilidade (os e-mails estão realmente chegando à caixa de entrada das pessoas?), reputação dos servidores que enviam os e-mails, possibilidades de segmentação, reenvio de campanhas para contatos que não abriram ou não clicaram no seu primeiro e-mail e se existe duplicidade de envio no caso de um e-mail estar cadastrado em mais de uma lista.

Obviamente que o fator preço também influenciará a sua escolha, afinal, só compra uma Ferrari quem pode pagar o preço do carro e da manutenção, mas existem boas opções no mercado com custo-benefício acessível para qualquer tamanho de empresa.

Caso de sucesso: Já tivemos muitos clientes que utilizavam ferramentas ruins (gratuitas e até mesmo pagas) para enviar suas campanhas de email marketing e eles estavam prestes a abandonar essa estratégia. Ao trocarmos para uma ferramenta confiável, os números começaram a mudar. O simples fato da pessoa não receber o e-mail na sua caixa de entrada (ou ele ser direcionado para a caixa de “spam”) geralmente é um dos maiores problemas que detectamos nas campanhas que não geram resultados. Vejam abaixo o caso da Burohaus, um e-commerce que vende estantes para colecionadores. O número de acessos ao site oriundos das campanhas de email marketing cresceram consideravelmente após a adoção de uma ferramenta adequada.

Tráfego gerado através de email marketing

Visão geral do tráfego gerado através das campanhas de email marketing.

 

Verdade 4: O campo “assunto” faz toda a diferença na taxa de abertura!

Gerar impacto logo no “assunto” do e-mail é fundamental para uma campanha ter sucesso. O que você está oferecendo para as pessoas? Por qual motivo elas clicarão no seu e-mail dentre tantas mensagens que elas recebem todos os dias? Existem algumas dicas bacanas de palavras que instigam as pessoas a clicarem num e-mail. Em geral, tente descontrair, gerar curiosidade, espanto, e até mesmo certa indignação (dependendo do caso e das possibilidades).

Palavras como ‘grátis, novo, comprovado, fácil, segredo, mais, sim, nunca, imagine, instantâneo e você’ costumam aumentar as taxas de abertura dos e-mails. Além disso, se possível, insira a variável com o nome da pessoa no “assunto” do e-mail – isso é bem eficaz.

Caso de sucesso: Descobrimos que as pessoas gostam de assuntos que de certa forma as provoquem. Adotamos essa linha de comunicação nos e-mails da Dermo Manipulações, e-commerce que vende produtos manipulados para diversas finalidades, inclusive produtos para emagrecimento. Passamos a tratar dos problemas, anseios e medos das pessoas nos assuntos dos e-mails. Desde então, os números de abertura, cliques e conversões só cresceram.

Como aumentar tráfego com email marketing

Evolução do tráfego gerado através de email marketing com “assuntos” mais ousados.

 

Verdade 5: Comprar listas de e-mails é uma furada

Fuja das ofertas tentadoras de aquisição de listas de e-mails a preços de banana. Mais uma vez vale a analogia entre o Fusca e a Ferrari. Você jamais comprará uma Ferrari pelo preço de um Fusca, por isso, não espere um retorno satisfatório com listas compradas. Isso é fazer spam e não estratégia de marketing via e-mail.

Adote uma política anti spam muito clara e rigorosa e comece a criar as suas próprias listas de e-mails. Demonstre seriedade no envio das campanhas para os seus contatos. Jamais venda sua base de dados para outras empresas (no máximo ofereça envios do estilo “Fulano indica a empresa do Beltrano”).

Verdade 6: O resultado não é imediato. Tenha paciência.

Por mais que muita gente prometa resultados imediatos com estratégias de email marketing, aqui na Muito Mais Digital temos visto resultados mais consolidados e expressivos com o passar do tempo. É óbvio que uma campanha pontual pode apresentar um ROI acima da média num curto espaço de tempo, mas não será sempre assim.

Por mais que você tenha um cronograma bem definido para enviar suas campanhas, com temas escolhidos a dedo, pode ser que naquele dia a sua lista não dê a resposta esperada, mas o importante é manter sempre a relevância dos conteúdos enviados. Quando você menos esperar uma campanha enviada há dias (ou até há semanas) pode gerar uma conversão. E sabe por que isso acontece? Porque o conteúdo que você enviou era relevante e a pessoa decidiu acessá-lo no momento mais conveniente para ela.

Caso de sucesso: Voltando a falar da Dermo Manipulações, a estratégia de envio de email marketing começou com 3 disparos semanais. Com o passar do tempo (alguns meses) a empresa começou a notar um crescimento no faturamento através das campanhas e atualmente a receita gerada pelos emails marketing já é a terceira maior de todas as fontes que geram tráfego para o site. O números de disparos aumentou de 3 para 7 (as campanhas são diárias).

Como ganhar dinheiro com envio de email marketing

Principais fontes de receita do site. Email marketing é o 3º lugar.

 

Verdade 7: O ROI de email marketing pode ser o maior dentre todos os seus investimentos

Respeitando as boas práticas desde a criação da sua lista de contatos até os envios das campanhas, o ROI de email marketing tem tudo para ter o melhor desempenho dentre todas as fontes de tráfego do site. Faça as contas e você verá que mesmo ofertando algum benefício – um desconto, por exemplo – em troca do e-mail do visitante do seu site, e pagando pelos serviços de criação da agência e da ferramenta de envio, as campanhas de email marketing terão, ao longo do tempo, um custo-benefício muito maior do que qualquer outra mídia.

Além disso, vale sempre lembrar que fazer uma nova venda para quem já é cliente é muito mais fácil do que conquistar um novo. Mas não se esqueça de trabalhar de forma segmentada e enviando o assunto certo para a pessoa certa, ok?

Envio de email marketing – Conclusão

Existem alguns fatores importantes que devem ser considerados na sua estratégia de envio de email marketing e respeitando cada um deles é muito provável que você obtenha sucesso com esse tipo de campanha. Ignore as afirmações de que “email marketing morreu”. O que morreu foi o “spam marketing”. As pessoas já não toleram mais terem sua privacidade invadida por uma empresa da qual elas nunca ouviram falar e não demonstraram interesse algum nos produtos ou serviços.

Contrate uma agência de marketing digital e também uma boa ferramenta de envio de email marketing e você verá como um trabalho profissional faz diferença no retorno sobre o investimento.

Quer conversar sobre esse assunto? Contate-nos!

Felipe Carvalho

Felipe Carvalho

Bacharel em Comunicação Social – Habilitação em Publicidade e Propaganda, pela PUC-PR. Certificado avançado em Google Adwords (pesquisa, display, shopping, vídeo e apps). Certificado em Inbound Marketing e RD Station, pela Resultados Digitais. Atua no mercado de marketing há mais de 10 anos, com foco em search marketing desde 2010.