+55 41 3042.0444 | +55 41 3287.4955 | +55 41 98501.7891

41 3042.0444 | 41 3287.4955 | 41 98501.7891

marketing digital como você nunca viu.

Botão Menu - Muito Mais Digital

Os Segredos para Vender Mais pelas Redes Sociais

Quem não tem um parente, amigo, conhecido, amigo do amigo, ou que já não tenha ouvido falar sobre alguém que esteja ganhando dinheiro vendendo através das redes sociais? Os cases de sucesso estão espalhados aos montes, mas quase nunca são abordados os fatores que levaram uma marca (ou uma pessoa) a se dar bem nas redes sociais. E é exatamente isso que abordarei nesse post!

Vender pelo Facebook: não existe mágica. É trabalho mesmo!

Primeiro é importante esclarecer que não existe mágica para vender pelo Facebook. Engana-se quem pensa que basta criar uma fanpage, convidar os amigos para curti-la e a partir daí é só esperar a “mágica acontecer”.

Empreendedores de sucesso no Facebook passam horas por dia conectados à rede, seja publicando conteúdo, pesquisando mais sobre o que a sua persona costuma fazer, ou interagindo em grupos. Quanto mais tempo você dedicar a essa imersão, mais aprenderá sobre qual é a melhor forma de se comunicar com as pessoas, principalmente considerando que naquele momento elas não querem comprar nada, mas apenas buscam se divertir.

>> Confira nosso post: Saiba como vender pelo Facebook quando ninguém quer comprar (apenas se informar e se divertir)!

Ah, e é claro que isso vale não só para o Facebook, mas para qualquer rede social!

Os SEGREDOS para vender mais em qualquer rede social

Defina o seu posicionamento:

Antes de começar qualquer ação de marketing, defina o seu posicionamento. Quais são os seus valores? Como você quer ser visto (e como as pessoas te veem)? Qual é o público que lhe interessa? O que o marketing deve comunicar a respeito da sua empresa/produto/serviço?

Essas são algumas dicas do que você precisa definir para que logo ali na frente não critique o marketing, dizendo que “ele não funciona”.

Entenda quem é a sua persona:

Antes de sair postando qualquer coisa e de qualquer jeito, entenda quem é a sua persona, o que ela faz ali, quais são as expectativas dela, o que a agrada (e principalmente o que a irrita), quais são os momentos em que ela está conectada, e assim por diante.

Para conhecer melhor sua persona, indico a criação do mapa de empatia (baixe neste link). Você irá mapear as principais informações sobre a sua persona, como: o que ela pensa e sente, o que ela escuta, o que ela vê, o que ela fala e faz, quais são os seus medos, frustrações, obstáculos, desejos, necessidades, etc.

Conheça (e aplique) todos os recursos possíveis:

Você sabe tudo que é possível ser feito no Facebook, Instagram ou Youtube? Cada rede social comunica com o público em um momento diferente. Fazer lives, por exemplo, tem sido a bola da vez nas redes sociais. O vídeo vem ganhado cada vez mais força e já se tornou o queridinho dos brasileiros.

Dados da pesquisa Vídeo Viewers 2018, realizada pelo Google em parceria com o Instituto Provokers e com a Box 1824 mostram um crescimento de 135% no consumo de vídeos na web, nos últimos 4 anos. E se engana quem pensa que as pessoas querem só se divertir assistindo vídeos. 29,8% dos vídeos assistidos tinham como objetivo a busca por informação/conhecimento.

Consumo de vídeos no Brasil

Vídeos na web x TV. O consumo de vídeos está crescendo!

>> Veja aqui a pesquisa completa: Vídeo Viewers 2018

Dica extra: o formato mais adequado para um vídeo nas redes sociais é o vertical (celular “em pé”), pois a maioria esmagadora dos acessos é feito através de smartphones.

Utilize o alcance e a persuasão dos Influenciadores Digitais:

Já foi-se o tempo em que um artista famoso era a única forma de dar grande visibilidade para a sua marca. Na internet existem centenas de micro influenciadores digitais que são referências dentro de um universo (teen, moda, beleza, viagem, etc.).

Tente negociar com influenciadores do seu segmento uma troca de produtos/serviços pela divulgação. Ainda existem vários deles que aceitam permuta. Mas caso a única forma de negociação seja pagar por uma quantidade X de publicações, faça as contas e veja se vale a pena financeiramente!

Gere leads para transformá-los em clientes:

Nem sempre a conversão direta (venda) vai se dar através do clique em um link ou conversa inbox nas redes sociais. Muitas vezes as plataformas serão geradoras de leads com os quais você deverá se relacionar – através de e-mails, por exemplo – para só depois transformá-los em clientes propriamente ditos.

O Facebook disponibiliza um tipo de campanha chamada de Lead Ads, onde você pode capturar os dados dos usuários que aceitarem se cadastrar. Essa é uma excelente forma de criar uma base de e-mails de pessoas interessadas nos seus produtos ou serviços!

Monitore as principais #s utilizadas pelo seu público alvo:

As pessoas sempre deixam rastros… E é a partir dessas informações que você pode fazer um trabalho de pesquisa para entender o que a sua persona deseja ou está consumindo naquele momento.

Hash tags nas redes-sociais

Descubra o que o seu público deseja através das hash tags!

Engaje-se e envolva sua equipe para impulsionar suas publicações:

Todos sabem que o Facebook (e as demais redes sociais) estão cada vez mais criteriosas na hora de exibir uma publicação de forma orgânica na timeline dos seus usuários. Existem diversos motivos para isso e o foco desse post não é discutir essas questões. Mas se você não quer ficar totalmente dependente de pagar para que os seus posts tenham um alcance legal, comece engajando-se e envolvendo sua equipe também!

Curta, compartilhe e comente nas suas publicações. Peça para que a sua equipe também faça isso. Dessa forma, os algoritmos das plataformas verão os “sinais sociais” nos seus posts e exibirão eles de forma orgânica para mais pessoas.

Veja dois exemplos de publicações da loja virtual MadeiraMadeira. No primeiro post, da Black Friday 2017, há um grande número de curtidas e compartilhamentos. Já no segundo post, esse número é bem reduzido.

Possivelmente houve um esforço da equipe para fazer com que o post tivesse fortes sinais sociais de “aceitação” e isso ajudou o post a ser visto por mais fãs da página de forma orgânica.

Black Friday - Redes Sociais

Publicação com grande interação e engajamento. Motivo: Black Friday!

 

Engajamento nas Redes Sociais

Publicação com menos engajamento e alcance!

 

Utilize o Whatsapp para enviar mensagens diretas:

Não adianta querer fugir. Mesmo os que se mantiveram resistentes a criar um perfil no Facebook se renderam ao WhatsApp (ou zap zap, como preferir). Não importa a idade ou a classe social, o WhatsApp tem um alcance fenomenal. E você deve utilizar tudo isso a seu favor!

Envie mensagens exclusivas para os seus leads e clientes com conteúdos variados, como dicas úteis, ofertas, informações sobre assistência técnica, cross sell, etc. Outra forma legal de engajar as pessoas com a sua marca é criar grupos – desde que o conteúdo publicado seja do interesse dos participantes.

Aplique essas dicas e tenha sucesso. Vá em frente!

No começo esse post eu deixei claro que não existe mágica, mas sim muito trabalho! E definitivamente é dessa forma que tenho visto alguns empreendedores ganharem dinheiro através das redes sociais.

Deixe a preguiça de lado e aplique as ideias que se enquadram no seu negócio/segmento. O trabalho de uma agência de redes sociais pode ajudar muito, mas para alcançar o sucesso você também precisará se envolver, afinal, as redes sociais devem ser vistas como um canal de aquisição de clientes e de relacionamento (isso não é importante para você?).

Caso precise de ajuda, pode contar com a Muito Mais Digital. Trabalhamos com o objetivo claro de melhorar os resultados dos nossos clientes na internet. Entre em contato conosco!

Felipe Carvalho

Felipe Carvalho

Bacharel em Comunicação Social - Habilitação em Publicidade e Propaganda, pela PUC-PR. Certificado avançado em Google Adwords (pesquisa, display, shopping, vídeo e apps). Certificado em Inbound Marketing e RD Station, pela Resultados Digitais. Atua no mercado de marketing há mais de 10 anos, com foco em search marketing desde 2010.

Ligue Agora